Tecnologia Christie faz parte do novo museu do Athletic Club

Christie faz parte do novo museu do Athletic Club

Clube de futebol espanhol conta sua história usando 30 projetores de ultracurtos Christie Captiva

SÃO PAULO, Brasil (24 de junho de 2019) – Mais de 120 anos de história do Athletic Club são contados no museu do estádio San Mamés, em Bilbao, na Espanha, e a tecnologia Christie® faz parte dessa história. Fundado em 1898, o Athletic Club, juntamente com o Real Madrid e o Barcelona, ​​é um dos únicos três clubes que nunca foram rebaixados da principal divisão de futebol da Espanha.

Mais de 500 peças e objetos relacionados com o futebol e quase 600 vídeos – a maioria deles interativos – consagrados em um museu que dá espaço para cor, música e imagens. E é aqui que a projeção ultracurta da Christie desempenha um papel fundamental: o museu é equipado com 30 projetores de tecnologia laser Christie Captiva DHD410S 1DLP®, além de três projetores Christie GS Series, que dão vida às diferentes atrações audiovisuais do museu.

Christie faz parte do novo museu do Athletic Club

Localizado no subsolo do estádio, o museu é dividido em três áreas distintas, diferenciadas pelas cores verde, vermelha e preta da equipe. Os visitantes encontram pela primeira vez um corredor revestido de metal, onde podem ver a projeção visual explicando a fundação do Athletic Club, mostrando a Bilbao há mais de um século. Medindo 8 x 2 metros, a projeção usando seis projetores Christie Captiva e os três projetores da Série GS se misturam na parede e no piso para criar um ambiente imersivo.

Cantando os louvores da tecnologia Christie 1DLP®

Asier Arrate, diretor do museu, explicou por que escolheram a tecnologia de projeção a laser: “No início, estávamos pensando em usar projetores baseados em lâmpadas, mas descobrimos que as soluções a laser proporcionam benefícios muito melhores em termos de menor tempo de inatividade e custos operacionais mais baixos. Na verdade, a Erabi preparou uma simulação para nós de quando os projetores têm até 1.200 horas de uso, o que nos mostrou que a fonte de luz laser nos economizaria até 15.000 euros na substituição de lâmpadas e outros consumíveis ”.

Quanto a Christie Captiva, Arrate ressaltou que sua lente ultra-short throw era crucial: “Graças a ela, o projetor pode ser montado a uma distância muito pequena da tela ou parede, vertical ou horizontalmente, o que significa que o público pode visualizar o conteúdo sem a aparência de sombras incômodas que interrompem a imagem. E além disso, eles são extraordinariamente silenciosos ”.

Christie faz parte do novo museu do Athletic Club

Eneko Elorriaga, co-fundador da Erabi, também elogiou o Christie Captiva: “A qualidade das lentes ultra-curtas é excelente, especialmente para aplicações musicais, pois proporciona uma experiência muito mais dinâmica e evita sombras que podem ser realmente irritantes. O Captiva é um projetor que garante reprodução fiel de cores e excelente brilho, e com a excelente confiabilidade que esperamos da Christie. ”

“Outro fator que vale a pena ter em mente é que eles podem ser controlados por plataformas como AMX, Crestron e similares”, acrescentou Elorriaga. “Ao mesmo tempo, eu também ressaltaria o fato de que você pode escolher a cor do chassi, em preto ou branco, o que é uma vantagem para os museus e algo que nem todas as marcas lhe oferecem. Além disso, poder usá-lo no modo retrato oferece maior espaço de manuseio para aplicativos criativos. ”

Mais espaço com Christie

“Time Line” é um suporte de madeira restaurado dos antigos terrenos onde você pode assistir a um vídeo mostrando os 120 anos de história do clube; esta projeção de 2 x 1,5 metros é exibida em uma tela de alto contraste, tensionada em um quadro alimentado por uma Christie Captiva. Outra Christie Captiva é usada no “Corredor do Associado”, projetando o logotipo do clube em uma placa com os nomes de todos os membros do clube em toda a sua história.

Outra parte da atração usa o projetor Captiva com a opção de toque – que permite aos usuários interagir com o conteúdo – e um quadro infravermelho tátil desenvolvido pela Virtualware e pela Erabi para tornar a interatividade ainda mais realista. A parede é revestida com tinta de alto contraste para dar às imagens brilho e contraste ainda maiores.

Várias empresas participaram do projeto do museu, incluindo a Espai Visual no desenvolvimento museológico e museográfico, a Virtualware e a Mediapro Exhibitions na produção de conteúdo audiovisual, a Charmex no fornecimento de soluções de projeção e a Erabi na integração e manutenção de todo o equipamento audiovisual.

Sobre a Christie®:
A Christie Digital Systems USA, Inc. é uma empresa global de tecnologias visuais e de áudio e é uma subsidiária de propriedade total da Ushio Inc., Japão, (JP:6925). Consistentemente estabelecendo padrões por ser a primeira a comercializar alguns dos projetores mais avançados do mundo, sistemas de exibição completos, a Christie é reconhecida como uma das mais inovadoras empresas de tecnologia visuais no mundo. Desde soluções de exibição de varejo até Hollywood, centros de comando de missão crítica para salas de aula e simuladores de treinamento, as soluções de exibição e projetores Christie capturam a atenção do público em todo o mundo com imagens dinâmicas e impressionantes. Visite www.christiedigital.com.

Siga a Christie®:
www.twitter.com/christiedigital 
www.twitter.com/christievive 
www.facebook.com/christiedigital 
www.linkedin.com/company/christie-digital-systems
www.youtube.com/christiedigital 
www.instagram.com/christiedigital 
vimeo.com/christiedigital

“Christie” é uma marca comercial da Christie Digital Systems USA, Inc., registrada nos Estados Unidos da América e em alguns outros países.

PRECISANDO DE AJUDA?

Bitnami